segunda-feira, 12 de junho de 2017

Esse amor



O amor de que se fala
É inexplicável sensação
paixão pulsante
saudade constante;
Um amor visceral
Dormir amando
No sonho acordar velando
na alma é imortal.

Esse amor que o mundo grita
é reza bendita
viver em agonia
dia e noite a penar sussurros
pulsa ansiando abraço
é amor, é dor, é laço.

Esse amor que maltrata 
e não agoniza
como se o peito de aço fosse
a sofrer sem causar  fim
Esse amor de que se fala
é pura nostalgia em si.

Esse amor que  vida germina
É sentimento inacabado
é dolente sem magoar
sara quando a alma verte lágrimas
saudade de um beijo a prantear.

Ah! esse amor que tanto falam
é poesia e canção
cantiga melodiosa
é tessitura do verbo
é conjuração!

Indescritível quando dito em mil palavras
Uma sensação de compaixão.
Esse amor que os poetas exprimem
é querer bem
é candura, é paixão
sentidos mil em ebulição,

alma minha que nasceu sem dono
e ao conhecer esse amor insano
passou a viver em sua mão.



Paula Belmino

Aos eternos namorados e apaixonados feliz dia do amor, seja ele como for!!!

3 comentários:

✿ chica disse...

APLÇAUDINDO daqui! Linda poesia, linda foto e que o dia seja lindo pra vocês! bjs, chica

Renata disse...

Lindíssimo, tudo! Beijo! Renata e Laura

Kunti/Elza Ghetti Zerbatto disse...

Doçura e beleza que exprimem esse amor tão belo que fica no ar e nos corações apaixonados!
Um grande abraço com carinho